• We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

Uso de servomyces no starter e na brassagem

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

Ed81

Active Member
Afiliado
18/12/17
Mensagens
42
Camaradas,

Ontem fiz o starter com DME para uma cerveja que vou fazer no sábado. Será uma American IPA e o fermento é o American Ale SY025 da Bio4.

Resolvi seguir uma recomendação do John Palmer e adicionei servomyces ao starter. Ele diz no How to Brew que prefere utilizar o servomyces no starter a adicionar no mosto durante a brassagem, mas não explica bem o motivo dessa escolha. Minha dúvida é se faço uma nova adição de servomyces ao mosto na brassagem. Há risco de algum prejuízo? Obterei mais benefícios utilizando no starter e na brassagem ou somente é necessário utilizar uma vez?

Abraços
 

AndreRuthes

Member
Afiliado
20/1/18
Mensagens
15
Eu sempre uso Servomyces no Starter e na fervura. Em todas as receitas. Prefiro garantir fonte de nutrientes e deixar o fermento trabalhar sossegado, mesmo em cervejas com baixa OG.
 

Inglorious Brewers

Well-Known Member
Afiliado
28/12/18
Mensagens
247
Localização
São Paulo
Camaradas,

Ontem fiz o starter com DME para uma cerveja que vou fazer no sábado. Será uma American IPA e o fermento é o American Ale SY025 da Bio4.

Resolvi seguir uma recomendação do John Palmer e adicionei servomyces ao starter. Ele diz no How to Brew que prefere utilizar o servomyces no starter a adicionar no mosto durante a brassagem, mas não explica bem o motivo dessa escolha. Minha dúvida é se faço uma nova adição de servomyces ao mosto na brassagem. Há risco de algum prejuízo? Obterei mais benefícios utilizando no starter e na brassagem ou somente é necessário utilizar uma vez?

Abraços
Bom dia, Ed81. Se você vai fazer starter, eu recomendaria a suplementação no starter também, isso porque alguns estudos mostram que excesso de aminoácidos e determinados nutrientes no mosto podem levar a problemas na fermentação. Por exemplo, excesso de zinco pode inibir o crescimento celular, altas taxas de DAP podem criar excesso de compostos sulfurosos dando off-flavors, excesso de metais de transição que podem conter tanto no mosto quanto nos nutrientes podem levar a instabilidades físicas da cerveja, criando gushing mesmo com a cerveja corretamente fermentada. O malte fornece muitos dos nutrientes necessários para a levedura, com exceção do zinco, porém a quantidade desses nutrientes pode variar bastante, o que te impede de ter um controle melhor na hora de adicionar nutrientes no mosto. Então se você fizer a adição de servomyces no starter terá maior controle da quantidade de nutrientes, além deste ser um ambiente de estresse maior no qual a levedura precisa de mais ajuda.

Att.
 

Ed81

Active Member
Afiliado
18/12/17
Mensagens
42
AndreRuthes e Inglorious Brewers, agradeço pelos retornos! Vou utilizar o servomyces também na brassagem, além do starter. Amanhã é dia de brassagem, ansioso depois de um ano sem fazer cerveja!

Abraços,
 

Latest posts

Topo