Temperatura de Priming

Discussão em 'Envase' iniciado por Momesso, 10/1/18.

  1. 10/1/18 #1

    Momesso

    Momesso

    Momesso

    Active Member

    Afiliado:
    25/5/17
    Mensagens:
    32
    Curtidas Recebidas:
    2
    Salve cervejeiros!

    Estou com uma duvida quanto a temperatura do priming para misturar com a cerveja. Ultimamente tenho feito o priming ( açucar e agua ) e mistura com a cerveja, mas não me preocupo com a temperatura...devo ta misturando a uns 60º / 70º, a ultima receita que comprei do Lamas o priming ja veio pronto e ta escrito para esperar esfriar a 30º para misturar na cerveja.

    Minha duvida é se eu colocar com uma temperatura mais alta tem algum efeito negativo na cerveja.

    Já estou na minha 5 brassagem e ate agora não tive problemas desse jeito e a carbonatação está ok em todas as levas.

    Abraços!
     
  2. 10/1/18 #2

    jeanpaullopes

    jeanpaullopes

    jeanpaullopes

    Well-Known Member

    Afiliado:
    17/5/16
    Mensagens:
    1,123
    Curtidas Recebidas:
    356
    O mais adequado é fazer ao contrário:

    Misturar a cerveja gelada no priming quente.


    Colocar o priming quente na cerveja gelada pode causar cristalização do mesmo e dificuldade de homogenizar. Faça o priming, coloque no balde de envase quente mesmo, e vai transferindo a cerveja do fermentador para o balde de envase, assim o priming vai esfriar mais lentamente e homogenizar melhor.

    Dica do mestre @Guenther
     
    Fyah curtiu isso.
  3. 10/1/18 #3

    Carbobiach

    Carbobiach

    Carbobiach

    Well-Known Member

    Afiliado:
    24/7/17
    Mensagens:
    249
    Curtidas Recebidas:
    83
    Bom, como tudo na cerveja, depende.

    Depende de alguns fatores básicos que são: quantidade de cerveja, quantidade de priming, diferença de temperatura e quantidade de células viáveis.

    Destes fatores, os que mais influenciam são a quantidade de cerveja e priming. Se você faz, por exemplo, 0,5l de priming e joga a 80oC em 20l ou 40l de cerveja a 5oC, não faz nem cócegas. Agora, se jogasse o mesmo priming, na mesma temperatura em somente 5l de bera, a diferença de temperatura iria afetar uma parte muito maior e de forma muito mais intensa a cerveja, consequentemente podendo matar células de levedura, tanto no contato com o priming quente, tanto por uma variação brusca de temperatura.

    A diferença de temperatura só tem influência forte se as quantidades de cerveja e priming tendem a se igualar. A viabilidade também.

    Depois de todo esse blablabla, vai o resumo da ópera: se você faz o priming normal, segundo aquela regra de 1 parte de açúcar em 3 de água, se estiver corretamente calculado, jogar quente na cerveja não faz diferença alguma. Impacta uma porcentagem pequena de células e a temperatura somente cócegas, pois o volume de priming será normalmente entre 2 a 3% do volume total de cerveja.

    Se você tem paciência de esperar, ótimo! Se não, segue o baile. Eu esperava sempre, resolvi testar, vi que não mudava nada, agora não perco mais tempo.

    E como o Jean disse ali, misture a cerveja no priming!
     
    Fyah curtiu isso.
  4. 10/1/18 #4

    tomazela

    tomazela

    tomazela

    Well-Known Member

    Afiliado:
    12/1/16
    Mensagens:
    1,649
    Curtidas Recebidas:
    429
    Eu concordo somente com a parte depois do blablabla...rs

    O Priming tem que ser feito na proporção correta, pois se adicionar muita aguá, vai mudar a característica da cerveja, correndo o risco de deixar bem aguada.

    Em geral a segunda resposta é a melhor. Usa-se uma panela maior no priming, então vai adicionando cerveja no priming, para ir diminuindo a temperatura dele aos poucos, para evitar que cristalize. Qd cristaliza, o acúcar acaba não homogenizando e o resultado vai ser umas garrafas supercarbonatadas e outras completamente chocas...já aconteceu comigo
     
  5. 10/1/18 #5

    Carbobiach

    Carbobiach

    Carbobiach

    Well-Known Member

    Afiliado:
    24/7/17
    Mensagens:
    249
    Curtidas Recebidas:
    83
    Aí eu já não posso afirmar categoricamente :D sempre fui muito meticuloso com o priming, tanto em volume, quanto em forma de diluição, pelo medo de estourar alguma garrafa hahahahaaha

    Sigo a famosa dica do Guenther, que o Jean disse, colocar o priming e mandar a breja por cima. Costumo homogeneizar com a pá a cada meia dúzia de garrafas envasadas (suavemente, sempre, pra evitar o máximo a aeração nesta etapa).

    Quanto à primeira parte do meu comentário anterior, é apenas a lógica, extrapolada para cálculo/preparo incorreto do priming, em que se tem volumes desproporcionais (mas expondo este extremo, fica fácil de ver como não prejudica a cerveja na proporção/forma correta).
     
    tomazela curtiu isso.
  6. 13/1/18 #6

    leonardoreges

    leonardoreges

    leonardoreges

    Active Member

    Afiliado:
    27/9/16
    Mensagens:
    41
    Curtidas Recebidas:
    10
    Como resposta à tua duvida, esquece todo o resto é leva em consideração o que o jeanpaullopes disse, além de fazer a proporção certa de açúcar e água
     
  7. 28/1/18 #7

    Jberte

    Jberte

    Jberte

    New Member

    Afiliado:
    26/1/18
    Mensagens:
    4
    Curtidas Recebidas:
    2
    Excelente comentários, minha dúvida era muito próxima a do colega.
    Tenho a cerveja transferida no balde para envase neste exato momento, agora subiu para 5°C. Meu priming está a 22°C. Vou adicionar e mandar bala no envase!

    Vlw se!
     

Compartilhe esta Página