• We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

Se você é um iniciante, leia isso! E se não é, leia e contribua!! :)

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

Status
Não esta aberto para novas mensagens.

PedroArreguy

New Member
Afiliado
18/4/16
Mensagens
4
Galera, boa tarde.
Começo a fazer breja sozinho esse mês. Trabalhei numa fábrica de cerveja artesanal e me interessei bastante pelo assunto tendo em vista que nunca havia tido contato com o mundo das cervejas artesanais. Trabalhei bastante pois a fábrica tinha acabado de abrir e acabei aprendendo quase todos os processos. Moagem, produção, fermentação, carbonatação, envase, pasteurização.. Só que tenhos algumas dúvidas que gostaria que vcs, membros mais experientes pudessem me ajudar.

1 - Penso em só comprar uma panela, e usar nela Grain Bag. E nela fazer a brassagem já com a bazooka, depois a filtragem e na mesma panela partir para a fervura. Isso é válido, ou preciso realmente de 2 panelas?

2 - Na refermentação, é bom passar para outro balde limpo?

3- No primming, é melhor fazer em cada garrafa ou já coloca o volume todo no balde?

4- É realmente necessário a hidratação da levedura? Ou posso colocá-la seca mesmo?

5- Na fábrica que trabalhei, havíamos um problema muito grande com pasteurização. Esquentávamos muito a água e não conseguíamos abaixá-la com uma grande eficiencia, fazendo com que a cerveja caramelizasse demais e deixasse um mel muito pesado no retrogosto. Depois de várias consultas e testes, conseguimos achar um ponto de equilibrio tanto na temperatura quanto no tempo de resfritamento da água. Agora, pergunto a vcs, qual a temperatura e o tempo ideal para se pasteurizar uma cerveja feita em casa?

No mais por enquanto são essas as dúvidas. A partir do momento que começar a fazer mais levas acredito que surgirão mais. Abraços a todos.

Pedro
 

marqueze

Well-Known Member
Afiliado
14/1/15
Mensagens
289
1 - válido ok!
2 - Se na refermentação, você quis dizer na etapa da carbonatação, é legal pra dar uma homogeneizada no primming antes de colocar na garrafa, se por isso você quis dizer maturação (quando deixamos a cerveja descansando para ela amadurecer) então não há necessidade.
3 - Vai do gosto do freguês, lembrando que garrafa por garrafa a chance de errar é maior, mas se fizer certinho vai estar homogêneo. No volume todo para grandes volumes pode ter diferença de concentração, mas pra pequenos é tranquilo.
4 - Como dito no tópico com o mesmo titulo de sua pergunta, se não hidratar coloque o dobro, pois se espera que morra metade na inoculação. Não é obrigatório hidratar, mas é mais que recomendado começar a fermentação com o número correto de células ativas.
5 - não pasteurize, não é prática comum dos caseiros pasteurizar mas sim tomar as cervejas vivas. No caso de você querer muito pasteurizar não sei como lhe orientar.
 

PedroArreguy

New Member
Afiliado
18/4/16
Mensagens
4
Mt obrigado Marqueze. A questão da refermentação é essa mesma(maturação). Então é só ir expurgando o fermento sem a necessidade da troca de um balde?
Conseguiu sanar algumas dúvidas que tavam coçando minha cabeça heheh! Outra coisa que esqueci de perguntar. Como calculo o tanto de fermento? Na fábrica que trabalhei, o mestre cervejeiro colocava um pacote de 500 g para um fermentador de 1000L. Posso fazer uma simples regra de 3 para chegar nos 20 L que vou fazer?
 

marqueze

Well-Known Member
Afiliado
14/1/15
Mensagens
289
A não ser que você use um cônico, não tem sentido a retirada do fermento. O cálculo do fermento está no tópico: http://www.homebrewtalk.com.br/showthread.php?t=405424.

Não podemos falar "faça a regra de 3!" porque não sei se o primeiro dado estava conforme as boas práticas.

Já vi microcervejeiros falarem que caseiros são muito preciosistas com suas cervejas (justamente por isso não fui pra frente com produzir com este). Mas penso que se eu fizer tudo 100% correto e tratar bem o fermento, terei 99% das vezes bons resultados.
 

jalexandre

Well-Known Member
Afiliado
15/11/14
Mensagens
1,468
A não ser que você use um cônico, não tem sentido a retirada do fermento. O cálculo do fermento está no tópico: http://www.homebrewtalk.com.br/showthread.php?t=405424.

Não podemos falar "faça a regra de 3!" porque não sei se o primeiro dado estava conforme as boas práticas.

Já vi microcervejeiros falarem que caseiros são muito preciosistas com suas cervejas (justamente por isso não fui pra frente com produzir com este). Mas penso que se eu fizer tudo 100% correto e tratar bem o fermento, terei 99% das vezes bons resultados.
E somos mesmo, as vezes até ultrapassando o limite entre o preciosismo e o bom senso.

Mas nós podemos, pois fazemos por diversão, não lucro. E se é por diversão, façamos o que nos convém, oras!!!!
:)
 

LucasCSP

Well-Known Member
Afiliado
31/5/16
Mensagens
143
...- Transferir a cerveja fermentada para o fermentador secundário

Não precisa! O próprio John Palmer que escreveu isso no livro How to Brew se arrepende de ter disseminado essa técnica. Isso era necessário há décadas atrás quando a qualidade do fermento disponível era horrível e ele vinha detonado, propenso a ruptura das células e consequente autólise (canibalismo). Hoje em dia, não há necessidade nenhuma. Eu e muitos cervejeiros que conheço já deixamos cervejas por MESES no mesmo fermentador, em temperatura ambiente, e nada aconteceu. Pelo contrário, a cerveja acabou ficando excelente.
....
Guenther, acabei de postar algo a este respeito, você pode me ajudar? :mug:
http://www.homebrewtalk.com.br/showthread.php?t=408185
 

seuguima

Member
Afiliado
13/10/15
Mensagens
19
Bom dia pessoal!

Irei brassar minha segunda cerveja (weiss) e cononfundi a indicação de armazenamento e levedura e lúpulo e congelei e refrigerei, respectivamente. terei algum problema na cerveja?
desde já agradeço

Abraço!

Alan
 

Luccasm

Well-Known Member
Afiliado
29/1/14
Mensagens
350
Bom dia pessoal!

Irei brassar minha segunda cerveja (weiss) e cononfundi a indicação de armazenamento e levedura e lúpulo e congelei e refrigerei, respectivamente. terei algum problema na cerveja?
desde já agradeço

Abraço!

Alan
Para o lupulo não deve ter tido grande perda se a armazanagem não foi durante muito tempo.. porem para o fermento pode ser que infelizmente vc tenha matado a todos sem do nem piedade.. rs

Mas pode ser que algum % tenha sobrevivido, entao, para vc nao perder sua leva faz o seguinte..

Pega um pouco de agua (uns 100ml ou 150ml), ferve ela e espera esfriar e coloca em uma vasilha desinfetada.. quando tiver por volta de uns 20 graus vc adiciona o fermento nessa agua e tampa com um papel aluminio e espera pra ver se eles tem alguma atividade (sera formada algumas bolhas e ar e uma camada mais grossa na parte de vima do liquido) - esse é o processo de hidratação)

se tiver atividade, estao vivos e pode adiciona-los.. porém ai temos dois riscos:

1 - não e recomendavel hidratação por mais de 30min.. pq o fermento consome toda sua reserva
2 - nao da pra vc brassar a cerveja nesse tempo.

Uma das opções, e fazer um starter, porem como acredito que vc nao tenha dme.. ferve um pouco de agua com açucar para alimentar eles (no caso, seria algo proximo de um starter - qual vc acha mais informações no forum)

Outra opção, comprar um fermento novo de backup.

Espero ter ajudado. abs
 

Guenther

Administrador
Moderador
Admin
Afiliado
23/4/13
Mensagens
3,828
Tópico encerrado para evitar perguntas genéricas dentro do tópico.
 
Status
Não esta aberto para novas mensagens.
Topo