Por onde começar

Discussão em 'Iniciantes' iniciado por Thalles Rodrigues, 16/5/18.

  1. 16/5/18 #1

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    New Member

    Afiliado:
    16/5/18
    Mensagens:
    4
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Rondonópolis
    Depois de algumas pesquisas e muitas cervejas experimentadas, decidi que quero arriscar fazer cervejas em casa.. porém quando fui pesquisar sobre quais equipamentos comprar surgiu algumas dúvidas e eu venho aqui pra perguntar pra quem já faz: por onde vocês começaram, qual tipo de equipamento, onde compraram, quais foram as primeiras receitas, o que eu preciso saber pra não cometer os mesmo erros? Desde já, valeu a atenção aí!

    Ps: se já existir algo discutido aqui, mande o link.
     
  2. 16/5/18 #2

    NH3

    NH3

    NH3

    Well-Known Member

    Afiliado:
    18/12/15
    Mensagens:
    88
    Curtidas Recebidas:
    32
    Nesse manual(https://drive.google.com/open?id=1m7HoUYw7tF1UZGC6TPg503ZGMPfk9EQ2), você vai encontrar as informações que precisa para começar a fazer cerveja.
    E quanto aos erros, relaxa, pois treino é treino e jogo é jogo. Por mais que você leia, tem coisa que só vai perceber na prática, e provavelmente, errando, antes de acertar.
     
    DukeBeer curtiu isso.
  3. 16/5/18 #3

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    New Member

    Afiliado:
    16/5/18
    Mensagens:
    4
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Rondonópolis
    obrigado amigo, assim que estiver em um pc vou ler o artigo. Pode me informar com qual equipamento comecei?
     
  4. 16/5/18 #4

    ricardo

    ricardo

    ricardo

    Well-Known Member

    Afiliado:
    10/6/13
    Mensagens:
    264
    Curtidas Recebidas:
    63
  5. 16/5/18 #5

    NH3

    NH3

    NH3

    Well-Known Member

    Afiliado:
    18/12/15
    Mensagens:
    88
    Curtidas Recebidas:
    32
    Comecei com várias panelas, mas hoje em dia, sou fã do Biab. Considero o ideal para quem tem pouco espaço (mora em apto) e faz até 30 L. O equipamento é só isso que aparece nas fotos. Para guardar, cabem num espaço menor que 1 m3.
     

    Arquivos Anexados:

    Última edição: 16/5/18
    DukeBeer e Thalles Rodrigues curtiram isso.
  6. 16/5/18 #6

    ricardo

    ricardo

    ricardo

    Well-Known Member

    Afiliado:
    10/6/13
    Mensagens:
    264
    Curtidas Recebidas:
    63
    MAS leia bastante sobre BIAB, apesar de usar pouco espaço, como não se faz uma recirculação (vorlauf) digamos, perfeita, pode resultar em taninos na tua cerveja. Sabe aquela dorzaça de cabeça que tu tens no day after de tomar uma certa cerveja? Taninos. Leia bastante sobre BIAB antes de cogitar usar na sua fabricação.
     
  7. 16/5/18 #7

    MatheusTrevisol

    MatheusTrevisol

    MatheusTrevisol

    Well-Known Member

    Afiliado:
    2/7/15
    Mensagens:
    100
    Curtidas Recebidas:
    35
    Sei que não é o tópico adequado pra isso mas, tens alguma indicação de livro/artigo que embase isso que vc disse?
    Pois, até onde sei, extração de taninos ocorre com temperatura acima de 80 graus na mosturação/lavagem e/ou ph elevado na lavagem.
    E outra, taninos trazem adstringência, que é parecido com comer fruta verde, travando a boca, e não dor de cabeça (que pode ser causada por outros fatores, álcoois superiores me vêm a mente agora).
    Sem falar que, pode-se recircular tranquila e perfeitamente o mosto durante a brassagem, com bomba, sem bomba, com fogo, com aquecimento elétrico, só saber fazer, sempre fiz!
    Então, acho que o BIAB não tem muita culpa nisso que vc falou e é uma técnica que produz tão boas cervejas quanto qualquer outra, ao custo, talvez, de menor eficiência e um pouco mais de turbidez no resultado final.
    Mas se vc tiver um texto que afirme o mesmo que vc disse, me encaminhe, que ficarei feliz em aprender essa novidade.
     
  8. 16/5/18 #8

    Ed81

    Ed81

    Ed81

    Active Member

    Afiliado:
    18/12/17
    Mensagens:
    25
    Curtidas Recebidas:
    13
    Camarada, comece lendo o How to Brew, do John Palmer. Vai te dar uma base boa.

    Abraço
     
    Thalles Rodrigues curtiu isso.
  9. 16/5/18 #9

    jeanpaullopes

    jeanpaullopes

    jeanpaullopes

    Well-Known Member

    Afiliado:
    17/5/16
    Mensagens:
    1,127
    Curtidas Recebidas:
    360
    Só complementando o que disse o @MatheusTrevisol

    recirculação não garante a extração ou não de taninos por si só. Ela só garante a filtração das cascas no mosto. É claro que as cascas são a fonte dos taninos. Porém estas taninos só são extraídos em temperaturas acima de 79ºC, então se elas forem para a fervura haverá taninos na cerveja. Mas taninos não dão dor de cabeça, dão adstringência.

    Uma prática comum para quem começa com BIAB é não resistir a tentação de espremer o bag para retirar mais mosto dos grão quando se retira ele da panela. Isto sim pode "levar" taninos para o mosto.

    Faço BIAB a mais de 2 anos e nunca tive problemas de taninos mas minhas brassagens.
     
  10. 16/5/18 #10

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    New Member

    Afiliado:
    16/5/18
    Mensagens:
    4
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Rondonópolis
    Bacana, obrigado por mandar. estou mais inclinado a começar com varias panelas antes do BIAB, que aprece ser um pouco mais detalhado.
     
  11. 16/5/18 #11

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    Thalles Rodrigues

    New Member

    Afiliado:
    16/5/18
    Mensagens:
    4
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Rondonópolis
    Obrigado, vou ler este!
     
  12. 16/5/18 #12

    Klauss Schoneborn

    Klauss Schoneborn

    Klauss Schoneborn

    New Member

    Afiliado:
    14/5/18
    Mensagens:
    2
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    São Paulo
    Bom dia Amigo,
    Também sou novo no Fórum, e li bastante antes de começar, Fiz minha primeira brassagem mês passado, Resolvi utilizar BIAB pela facilidade, menos investimento, e pouco espaço pois moro em apartamento. Como primeira receita fiz uma Cream Ale, e acabei comprando a receita com passo a passo disponiveis na internet, as cervejas ficaram até que boas para uma primeira brassagem...rs! Boa sorte, e boas cervejas.
     
  13. 16/5/18 #13

    ricardo

    ricardo

    ricardo

    Well-Known Member

    Afiliado:
    10/6/13
    Mensagens:
    264
    Curtidas Recebidas:
    63
    Opa,
    posso ter me equivocado mesmo. Dor de cabeça pode ser reação alérgica a taninos OU histaminas. Como existem histaminas na cerveja, relacionei com isso. Concordo com a parte dos álcoois superiores ou mesmo sulfitos. E também li que temperatura OU pH fazem a diferença na extração de taninos.
    Como disse o amigo, este não é o local para esta discussão, mas vou deixar este link para referência, falando bem de BIAB, como contraponto.
     
    Última edição: 16/5/18
    1 pessoa curtiu isso.
  14. 16/5/18 #14

    MatheusTrevisol

    MatheusTrevisol

    MatheusTrevisol

    Well-Known Member

    Afiliado:
    2/7/15
    Mensagens:
    100
    Curtidas Recebidas:
    35
    Com certeza, até porque todas as técnicas/sistemas tem seu lado bom e ruim.
    O que não podemos é auxiliar quem está começando com falsas premissas sobre determinado sistema.
    Eu mesmo, antes de começar, estava encantado com o sistema de três panelas, e achava que só ele fazia boas cervejas, mas não é bem assim.
    O importante é aprender os processos, as técnicas e usar o equipamento que mais te agrade, seja 1 ou 2 ou 3 panelas, de alumínio, de inox, caixa térmica, elétrico, a gás, fundo falso, bazooka, bag (acho que eu já testei tudo isso e mais um pouco), aquilo que mais deixar o cervejeiro a vontade para desenvolver o seu trabalho.
    O BIAB é a opção mais econômica para se começar, pois em tese vc precisa de uma panela, que talvez ja tenha em casa, um pedaço de tecido voal ou similar, um termômetro, um balde fermentador e um arrolhador. Os demais itens, ou panelas, vai comprando com o tempo, conforme necessidade. Ah, mas como vou resfriar assim sem chiller? Enfia o balde fermentador na geladeira, bota a panela dentro de uma bacia com gelo, tudo é adaptável, tudo pode ser moldado de acordo com a necessidade, vontade, condições financeiras e de espaço do cervejeiro.
    O importante é começar, testar, fazer, errar e aprender.
     
    1 pessoa curtiu isso.
  15. 16/5/18 #15

    Ed81

    Ed81

    Ed81

    Active Member

    Afiliado:
    18/12/17
    Mensagens:
    25
    Curtidas Recebidas:
    13
    BIAB é muito mais simples e rápido, pois tem menos procedimentos. Uma coisa a se pesar também é se você vai fazer cerveja sozinho ou com outras pessoas.

    Eu faço brassagens com uma galera usando três panelas e sozinho usando BIAB. Três panelas de galera é bem tranquilo, mas penso que fazer cerveja sozinho usando três panelas, para quem está iniciando e vai cometer muitos erros, pode ser bastante cansativo e até desestimulante.

    Abraço
     
  16. 16/5/18 #16

    ldembinski

    ldembinski

    ldembinski

    New Member

    Afiliado:
    13/11/17
    Mensagens:
    1
    Curtidas Recebidas:
    0
    Olá!

    Eu também estou nessa. Partindo para a produção. Estou decidido que será o BIAB pelo custo, espaço (moro em apartamento) e facilidade (posso fazer sozinho). Vi kits de 20L a 900 reais completos, incluindo chiller. Alguém aqui "construiu" seu próprio kit? Se sim, qual foi o custo final?
    Abraços
     
  17. 16/5/18 #17

    JuniorBolzani

    JuniorBolzani

    JuniorBolzani

    Well-Known Member

    Afiliado:
    15/12/16
    Mensagens:
    267
    Curtidas Recebidas:
    83
    A técnica de "Brassar em um saco" (Brew in a bag) ou BIAB não extrai taninos das cascas. O que pode causar extração de taninos, como já falado, é A FALHA DO CERVEJEIRO em controlar a temperatura do mash-out ou não manter o pH abaixo de 5,4 na água de lavagem (já que a mosturação já baixa o pH normalmente).

    BIAB não é melhor nem pior que 3 panelas por exemplo, pode ser mais rápido, mais prático e ocupar menos espaço, mas não dá pra falar se a cerveja feita será melhor ou pior. Ontem brassei 20L de uma mosaic APA no BIAB em cerca de 4,5 horas sendo que também tenho o sistema de 3 panelas. As vezes tudo que queremos é terminar rápido e quando acabar ter pouca coisa pra limpar...

    O amigo do tópico poderia começar pelo mais básico que é ver uma série completa de vídeos de brassagens, do começo ao fim, seguir o protocolo a risca com uma receitinha simples e usar fermento em pó, hidratando-o. Depois de brassar a primeira vez e ter uma noção prática mas pouco valiosa ainda, leia HOW TO BREW e participe deste forum.
     
  18. 17/5/18 #18

    FelGuara

    FelGuara

    FelGuara

    Member

    Afiliado:
    18/4/17
    Mensagens:
    23
    Curtidas Recebidas:
    4
    Olá, camarada! Seja bem vindo!
    (um neófito que vos fala)

    Cara, eu comecei há quase dois anos, indo presencialmente à uma brassagem. Aconselho demais. Provavelmente há cervejeiros em sua cidade, integre-se.
    Cuidado com a supervalorização da brassagem em relação à fermentação.
    Estudo é fundamental. Aqui no fórum gosto muito dos tópicos mais antigos. Leia, há respostas que te economizam anos. Leia principalmente os tópicos fixos. E outra:ler em inglês vai te abrir um imenso horizonte. (eu, para me obrigar nem traduzi o BeerSmith). Para mim é trabalhoso, estou melhorando, dá preguiça, mas... lavar garrafa, por exemplo, também não é tarefa muito leve...rsrsrsrs
    Eu montei meu equipamento, mas já tinha usado um kit de 3 panelas pronto, então consegui mais ou menos saber o que eu queria e tinha que mudar. Não tenho condições de te falar o preço, mas a grana que economizei montando deu para investir em qualidade. Meus principais erros: Termômetro de panela - só um modelo que serviu mesmo, e era o mais barato, ou seja, o preço não é o determinante da qualidade: pesquise. Montei o chiler de imersão sem contar com o espaço do poço térmico do termômetro (nem sei mais se hj em dia eu colocaria termômetro em panelas acoplados horizontalmente).
    Avalie muito bem a opção de capacidade do seu primeiro kit. De "20 litros", por exemplo, vejo uma galera rapidamente trocando, expandindo. Concordo com os amigos que dizem que é trabalhoso, e é mesmo, tem que ter raça!, mas o trabalho-tempo que vc investe para 20 é quase o mesmo que pra 30-40 litros... (eu acho). Se tiver espaço, grana e sede... reflita.
    A palavra levedura, personagem principal de nossa história, está aí para nos lembrar que a dureza dos procedimentos não pode vir antes da leveza com a qual executaremos prazerosamente o nosso trabalho. Então amigo, como diria o Charlie Papazian: “Relax. Don't worry. Have a homebrew!”
    Grande abraço.
     
    2 pessoas curtiram isso.
  19. 19/5/18 #19

    fgwnobrega

    fgwnobrega

    fgwnobrega

    New Member

    Afiliado:
    15/4/18
    Mensagens:
    3
    Curtidas Recebidas:
    0
    Thalles eu tenho aprendido muito com os videos do Marcelo Fenoll no Youtube (busque Fabrikar cerveja) gosto muito tambem do Concerveja.
     

Compartilhe esta Página