Quantcast
  • We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

GUINNESS CLONE - RECEITA

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
Olá galera, vou relatar uma receita que sempre faço é sucesso.
Semana que vem vou brassar uma, se alguém quiser acompanhar os perrengues da brassagem só chegar junto.
Receita p/32 litros finais (uso uma single vessel 52lts)

Parâmetros OG: 1.040 FG: 1.008 IBU 41 4,2% ABV 46 EBC

70,8% 4,5kgs pale
20,4% 1,3kgs cevada em flocos
5,2% 330g cevada torrada
2,4% 150g cara ruby
1,3% 80g malte acido

-- Sais da mostura--
2g bicarbonato
9g carbonato calcio
1g epsom
3g sulfato calcio
8ml acido latico
-- Sais da lavagem --
1g epsom
2g sulfato calcio
1ml acido latico
temperatura da brassagem 64° / mash out 79º 15 min

Perfil da agua; CA 119, MG 8, NA 22, CI 20, SO4 89, HCO3 322

fervura - 58g target 60'

1pct startado de us05


Agua da mostura 26lts / lavagem 18
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
1610366929323.jpg1610366929338.jpg


Demorou um pouco, mas brassei no sábado. Leva de 42lts!
Usei maris otter em vez do pale, e levedura nottingham em vez da us-05.

Até amanhã permanecerá em 12ºc e depois deixarem finalizar de atenuar em temperatura ambiente (não passa de 21ºc)
 

Luminos

Well-Known Member
Afiliado
1/4/20
Mensagens
84
Localização
Mairiporã
Uma pergunta a todos: alguém já fez maceração à frio dos maltes torrados para reduzir adstringência? Houve resultado convincente?
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
fiz essa receita 2x já!
ficou animal, carbonatação forçada em barril!

fermentou em 02 dias, depois deixei maturando 10 dias a 1C!
Top mano! curtiu ela com essa configuração da agua?
Uma pergunta a todos: alguém já fez maceração à frio dos maltes torrados para reduzir adstringência? Houve resultado convincente?
Nunca cheguei fazer, acredito que se vc controlar o ph da mostura não há necessidade de fazer isso, claro, se pesar a mão nos torrados fica complicado hahaha!
*Uma dica pra amaciar esse sharpness dos torrados é justamente bicarbonatar a agua, aí não precisa maturar por tanto tempo pra arredodar.

Atualizando:
Fermentação aparentemente baixando ritimo.
3 geração do nottingham a todo vapor! Minha levedura preferida1610541873590.jpg
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
Tirei 500ml e carbonatei só pra ver como está..

Sabor: final seco, da pra sentir bastante a torrefação, mesmo tendo colocado "pouco" malte torrado. Um pouco adstringente, mas como a breja fez uma semana de vida hoje, posso ter certeza que ela vai melhorar.. ainda nem foi pro coldcrash.
Notas de castanhas, e um leve toffee. No geral bem neutra.
Nenhuma acidez, já que só vou adicionar o ácido lático no postmix.
No aroma: um mix de chocolate amargo e café bem agradável, nos lupulos só vem um floral.. até aí tudo bem.

*Fiz a experiência da seringa e com toda certeza melhora muito a experiência de tomar essa breja, que ja "descarbonata" um pouco a breja deixando mais flat, igual a guinness mesmo. Aí sim fica uns 90% de proximidade.. vamos ver quando ela estiver acidificada.
*Depois do cold vou jogar a gelatina e ver como vai ficar a breja polida e finalizada.IMG_20210116_201126.jpgIMG_20210116_201121.jpgIMG_20210116_200248.jpg
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
Boa tarde galerinha!
Enfim, receita pronta.
Maturada e clarificadinha
Primeira foto; recém tirada do barril e as outras é com a aplicação da seringa.
Simplesmente fantástica, tem cheiro de guinness e gosto de guinness hahahaha!
IMG_20210124_153817.jpgIMG_20210124_154036.jpgIMG_20210124_154041.jpgIMG_20210124_154044.jpgIMG_20210124_154046.jpg
 

Attachments

Última edição:
Afiliado
19/8/19
Mensagens
10
Localização
Florianópolis - SC
Bom dia!
Que breja bonita!!

Foi carbonatada com CO2 mesmo?

Quando estive na Irlanda lembro que tomei Guinness como se fosse água, era muito fácil de tomar e não tinha notas tão fortes de café, etc... (eu ainda não fazia cerveja na época, hoje provavelmente avaliaria diferente).

Todas a dry Stouts que tomei aqui no braza que eram clones, mas carbonatadas com CO2, senti muita diferença, o torrado muito mais forte, a drinkability muito menor, geralmente consigo tomar no máximo um como de 500ml (claro, é uma questão de gosto e paladar).

Será que essa diferença pode ser por conta do CO2, já que a Guinness é uma mistura com nitrogênio?
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
Bom dia!
Que breja bonita!!

Foi carbonatada com CO2 mesmo?

Quando estive na Irlanda lembro que tomei Guinness como se fosse água, era muito fácil de tomar e não tinha notas tão fortes de café, etc... (eu ainda não fazia cerveja na época, hoje provavelmente avaliaria diferente).

Todas a dry Stouts que tomei aqui no braza que eram clones, mas carbonatadas com CO2, senti muita diferença, o torrado muito mais forte, a drinkability muito menor, geralmente consigo tomar no máximo um como de 500ml (claro, é uma questão de gosto e paladar).

Será que essa diferença pode ser por conta do CO2, já que a Guinness é uma mistura com nitrogênio?
Cara, o grande problema das dry stouts daqui é que o povo taca no mínimo 10% de cevada torrada, aí o torrado estoura, fora que a breja fica toda fechada na cor e sem os reflexos rubi.
Se não me engano usei 5,6% de cevada torrada e o resultado foi muitooooo próximo da guinness, tanto em sabor/aroma quanto na cor. Torrados bem sutis.
Eu fiz essa breja mirando no máximo 4,1% pra poder beber legal sem dar brisa.
Sobre a carbonatação eu fiz com 1,8 de co2 dissolvido, bem pouco e dps ainda apliquei a seringa pra poder me aproximar ao máximo da guinness.. cara, depois da seringa a sensação de boca muda pra caramba!! Fica sensacional!
Tbm acidifiquei a cerveja direto no postmix com 2,5 mls de ácido lático pra poder se aproximar daquele "Tang" que a guinness tem.

Sobre o n02 deixa a sensação da breja bem flat no palato, dando essa drinkability fantástica.

Ainda quero ter essa oportunidade de ir provar ela lá na fonte igual vc!
 
Afiliado
19/8/19
Mensagens
10
Localização
Florianópolis - SC
Cara, o grande problema das dry stouts daqui é que o povo taca no mínimo 10% de cevada torrada, aí o torrado estoura, fora que a breja fica toda fechada na cor e sem os reflexos rubi.
Se não me engano usei 5,6% de cevada torrada e o resultado foi muitooooo próximo da guinness, tanto em sabor/aroma quanto na cor. Torrados bem sutis.
Eu fiz essa breja mirando no máximo 4,1% pra poder beber legal sem dar brisa.
Sobre a carbonatação eu fiz com 1,8 de co2 dissolvido, bem pouco e dps ainda apliquei a seringa pra poder me aproximar ao máximo da guinness.. cara, depois da seringa a sensação de boca muda pra caramba!! Fica sensacional!
Tbm acidifiquei a cerveja direto no postmix com 2,5 mls de ácido lático pra poder se aproximar daquele "Tang" que a guinness tem.

Sobre o n02 deixa a sensação da breja bem flat no palato, dando essa drinkability fantástica.

Ainda quero ter essa oportunidade de ir provar ela lá na fonte igual vc!
Entendi, muito obrigado pelas explicações.
Confesso que fiquei com muita vontade de brassar uma depois da sua descrição, quem sabe a próxima.

Com relação a ir para a Irlanda, vale muito a pena!
Eu visitei a fábrica, mas confesso que esperava ver ao menos alguma tina de mostura saindo vapor... e nada. É um passeio legal, conta toda a história e tem várias fotos, mas não dá pra ver a fábrica operando nem nada assim.

Claro, eles ensinam a encher o copo do jeito certo e tem aquele bar com vista de 360 graus da cidade. De qualquer forma, recomendo o passeio.
 

Molessani

New Member
Afiliado
13/7/20
Mensagens
3
Localização
Monte Alegre do Sul - SP
tá linda, fiz uma Stout sem nenhuma pretenção e só depois fui ver que a receita se assemelha a Guinness. Agora quero melhorar para ficar mais próxima.

Fiquei curioso com o resultado desse teste da seringa. O que é esse teste? Como faz? de onde vem a ideia?
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
tá linda, fiz uma Stout sem nenhuma pretenção e só depois fui ver que a receita se assemelha a Guinness. Agora quero melhorar para ficar mais próxima.

Fiquei curioso com o resultado desse teste da seringa. O que é esse teste? Como faz? de onde vem a ideia?
Vc enche o copo pela metade(senão vai transbordar), com o mínimo de espuma possível.
Pega uma seringa, puxa a breja e despeja de volta dentro do copo.. Vai formar uma cascata bem bonita e deixar a breja mais flat.
 

José Geraldo

Member
Afiliado
13/3/20
Mensagens
11
Localização
Governador Valadares

Rins

Well-Known Member
Afiliado
14/6/13
Mensagens
469
O que li é que a Guinness usa na verdade um blend de cerveja. Uma stout com cerveja azeda. Por isso ela tem menos notas de torrado e sabor ácido top. Faz sentido a sua receita Lucas!
Top! Parabéns!
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
O que li é que a Guinness usa na verdade um blend de cerveja. Uma stout com cerveja azeda. Por isso ela tem menos notas de torrado e sabor ácido top. Faz sentido a sua receita Lucas!
Top! Parabéns!
Sim man, dá até pra azedar um pouco da breja, ferver e add no PM dps

VOU EDITAR A RECEITA E DEIXAR A ATUALIZADA P/ 20 LITROS NO PRIMEIRO POST PRA QUEM QUISER*
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
Olá galera, vou relatar uma receita que sempre faço é sucesso.
Semana que vem vou brassar uma, se alguém quiser acompanhar os perrengues da brassagem só chegar junto.

**RECEITA EDITADA PARA 20 LITROS FINAIS**
Parâmetros OG: 1.040 FG: 1.008 IBU 38,9 4,2% ABV 47 EBC

70,5% 2,78kgs MARIS OTTER PAULS MALT
21,7% 0,86kgs cevada em flocos
5,6% 220g cevada torrada
2,5% 100g cara ruby
**RETIREI O MALTE ACIDO

-- Sais da mostura--
2g bicarbonato
5,5g carbonato calcio
0,5g epsom
2g sulfato calcio
5ml acido latico
-- Sais da lavagem --
0.5g epsom
1g sulfato calcio
1ml acido latico
temperatura da brassagem 64° / mash out 79º 15 min

Perfil da agua; CA 172, MG 6, NA 40, CI 33, SO4 89, HCO3 322

fervura - 32g target 60'

1pct startado de NOTTINGHAM


Agua da mostura 16,5lts / lavagem 14

2,5 MLS DE ACIDO LÁTICO DENTRO DO POSTMIX.
 

Lucaslimabrew

Active Member
Afiliado
10/8/20
Mensagens
44
Localização
são paulo
**RECEITA EDITADA PARA 20 LITROS FINAIS**
Parâmetros OG: 1.040 FG: 1.008 IBU 38,9 4,2% ABV 47 EBC

70,5% 2,78kgs MARIS OTTER PAULS MALT
21,7% 0,86kgs cevada em flocos
5,6% 220g cevada torrada
2,5% 100g cara ruby
**RETIREI O MALTE ACIDO

-- Sais da mostura--
2g bicarbonato
5,5g carbonato calcio
0,5g epsom
2g sulfato calcio
5ml acido latico
-- Sais da lavagem --
0.5g epsom
1g sulfato calcio
1ml acido latico
temperatura da brassagem 64° / mash out 79º 15 min
Perfil da agua; CA 172, MG 6, NA 40, CI 33, SO4 89, HCO3 322

fervura - 32g target 60'

1pct startado de NOTTINGHAM


Agua da mostura 16,5lts / lavagem 14

2,5 MLS DE ACIDO LÁTICO DENTRO DO POSTMIX.
 
Topo