1. We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.
    Fechar Aviso

Fermentação secundária em estilos que exigem alta carbonatação

Discussão em 'Envase' iniciado por Marcelo Amaral Duarte, 9/10/19.

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

  1. 9/10/19 #1

    Marcelo Amaral Duarte

    Marcelo Amaral Duarte

    Marcelo Amaral Duarte

    New Member

    Afiliado:
    17/9/19
    Mensagens:
    3
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Minas Gerais
    Fala Galera.
    Alguém pode me esclarecer em uma dúvida ?
    Faço sugar priming para refermentação e carbonatação na garrafa.
    Sabemos que em cervejas tipo a Pale Ale, colocamos cerca de 6,5 g de açucar por litro, para alcançar um de CO2 de 2,5 BAR, certo ?
    Mas como sabemos, estilos como as weiss, saison, saur, exigem uma carbonatação maior, com adição de 11,5 g de açucar por litro, para chegar em um volume de CO2 de 3,8 BAR.
    Dito isso, vem a minha dúvida sempre ouvi que ao atingir pressão de pouco mais de 2,5, existe risco de explosão de garrafas, e que chegando nesse nível, devíamos levar a breja para a geladeira, para parar a produção de CO2... o que fazer nesses casos em que o volume de CO2 passa dos 3,5 ???
     
  2. 9/10/19 #2

    Jeferson Andrade

    Jeferson Andrade

    Jeferson Andrade

    Member

    Afiliado:
    8/10/19
    Mensagens:
    11
    Curtidas Recebidas:
    3
    Localização:
    PORTO ALEGRE
    Velho peguei essa dica no site CONCERVEJA

    Se você fez uma cerveja supercarbonatada – ou porque colocou açúcar demais ou porque a atenuação não tinha sido eficiente? Não esquenta, é só colocar o líquido na geladeira. Depois que a temperatura dele tiver baixado bem, você pode abrir um pouquinho a garrafa para deixar escapar o gás que está em excesso.

    Quando a carbonatação é tanta que vaza cerveja quando você abre a garrafa, a solução é jogar toda a produção em um balde, homogeneizá-la e esperar sair todo o gás. Depois que a cerveja estiver totalmente flat, você coloca ela na geladeira e faz novamente a adição de açúcar.
     
  3. 11/10/19 #3

    Marcelo Amaral Duarte

    Marcelo Amaral Duarte

    Marcelo Amaral Duarte

    New Member

    Afiliado:
    17/9/19
    Mensagens:
    3
    Curtidas Recebidas:
    0
    Localização:
    Minas Gerais
    Obrigado pela resposta amigo. Mas a pergunta não é bem essa...
     
  4. 12/10/19 #4

    Krishna

    Krishna

    Krishna

    Well-Known Member

    Afiliado:
    18/9/16
    Mensagens:
    402
    Curtidas Recebidas:
    81
    Pra nenhum estilo precisa colocar mais do que 8g litros. 8g já fica beeeeemmmmm carbonatada. Acima disso, utilizando primming, a chance de supercarbonatar com o tempo é muito grande, pq o primming não é carbonatação forçada, e as leveduras com o tempo comem mais do que deviam. E esses 3,8 de que falam é a parte de cima do nivel de carbonatação dos estilos de alta carbonatação, nivel que normalmente começa lá pros 2,8...

    Tem muita coisa na internet que responde sua pergunta. Inclusive que garrafas aguentam acima de 10g litro. Já fiz primming com 9g e 10g. Não explodiu, mas supercarbonatou depois de mais de um mês na garrafa.

    Na boa? Se for consumir rápido, em menos de um mês, dá pra colocar 9g... Acima disso acho besteira. Se não for consumir rápido, 8g tá mais que bom. Ultimamente não posso de 7,5g, como fiz na minha ultima weiss.
     
    Última edição: 12/10/19

Compartilhe esta Página