Quantcast
  • We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

Dry Hopping

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

Afiliado
27/6/16
Mensagens
18
Pessoal, aproveitando o tópico também tenho os mesmos problemas. Não consigo aroma por nada.
Faço levas de 10 litros em BIAB, minha última foi uma IPA feita assim:
Fermentação 19º/Dry Hopping no final da primária com pellets direto 50 g de Centenial 19º - 7 dias/Maturação 0º 4 dias - tudo no fermentador, mesmo balde.
Em seguida: transfega/priming 5 g/l e envase nas garrafas
Resultado: amargor excelente, cor linda (dentro do previsto), aroma já era....nada
Alguém pode opinar?

Dados da cerva: American IPA c/ single hop de Centennial
ABV: 6%
IBU: 66
SRM: 5
Maltes: Pilsen, Pale Ale, Cararoma e aveia
 

Nebenzahl

Active Member
Afiliado
11/4/17
Mensagens
37
Leonardo, acho que o aroma do lupulo na cerveja é uma coisa dificil de se conseguir. Olha oq eu fiz.

Quantidade 20 L, estilo Pale Ale. Que acabou virando uma IPA bem levinha.

o 1° DH na fermentação secundaria, 21°C, 4 dias do inicio da fermentação, 50 g de cascade, saco de voal.
0 2° DH na maturacao, 12°C, 8 dias após o inicio da fermentacao, 50 g de citra, saco de voal.

Todos os dias eu abria o balde e fazia aquele movimento de tirar e mergulhar o saco.
Os dois sacos permaneceram juntos até a retirada deles.

Retirados 12 dias após o inicio da fermentacao.
Espremi os sacos, claro, com todo cuidado para evitar entrada de bacterias.
Os lupulos sairam sem odor nenhum.

Depois que retirei os sacos, baixei a temperatura para -0,5°C

O amargor aumentou um pouco, o aroma ficou bem presente, entretanto ficou dos lupulos que usei, então os lupulos fazem muita diferença no aroma, tens que colocar um lupulo que desejas que fique o aroma.
Eu vou colocar somente cascade da proxima vez.

Acredito que os melhores lupulos, sao aqueles que se compra em saquinhos aluminizados, que vem direto de fabrica, a vacuo. Evitar comprar lupulos que são repicados nas distribuidoras.
Não faço purga do fermento.
Eu coloquei em saco, mas da proxima vez vou jogar o pellet direto, pois assim menor o risco de contaminação e o resultado desconfio que seja até melhor.

Duas constatações que fiz, e que fantasiam tanto sobre isso.
O amargor nao vem só daquele lupulo que se coloca no inicio da fervura, tenho notado que o amargor aumenta depois dos DH.
Outra fantasia é colocar lupulo a x min do final da fervura para sabor, depois x min do final da fervura para aroma. Olha os oleos volateis do lupulo, como o proprio nome deles diz se volatilizam muito rapidamente e facilmente.
Eu acredito que em industrias que fazem bateladas de 500L, com equipamentos proprios para segurar os oleos, eles consigam segurar aromas e sabores. Mas em casa nao da certo mesmo, mas nem com reza brava.
O DH é a nossa alternativa, e funciona como descrevi acima.

Espero ter auxiliado.
 
Afiliado
27/6/16
Mensagens
18
Cara, troca de experiências sempre ajuda muito. Valeu mesmo!
Estou nessa busca incessante pelo aroma, testando de tudo até conseguir.
Acredito que o Centenial seja um bom lúpulo para DH, usei em pellets direto e o cheiro estava muito bom, safra 2016.
Tenho feito a mesma base de maltes nas minhas levas de IPA, e sempre com single hop, porém, com técnicas diferentes de lupulagem para amargor, sabor e aroma. Os resultados tem melhorado, mas quero muito mais.
 

tomazela

Well-Known Member
Afiliado
12/1/16
Mensagens
1,683
Pessoal, aproveitando o tópico também tenho os mesmos problemas. Não consigo aroma por nada.
Faço levas de 10 litros em BIAB, minha última foi uma IPA feita assim:
Fermentação 19º/Dry Hopping no final da primária com pellets direto 50 g de Centenial 19º - 7 dias/Maturação 0º 4 dias - tudo no fermentador, mesmo balde.
Em seguida: transfega/priming 5 g/l e envase nas garrafas
Resultado: amargor excelente, cor linda (dentro do previsto), aroma já era....nada
Alguém pode opinar?

Dados da cerva: American IPA c/ single hop de Centennial
ABV: 6%
IBU: 66
SRM: 5
Maltes: Pilsen, Pale Ale, Cararoma e aveia
Olha esse link: http://www.homebrewtalk.com.br/showthread.php?t=408949
 
Afiliado
27/6/16
Mensagens
18
"Outra fantasia é colocar lupulo a x min do final da fervura para sabor, depois x min do final da fervura para aroma. Olha os oleos volateis do lupulo, como o proprio nome deles diz se volatilizam muito rapidamente e facilmente.
Eu acredito que em industrias que fazem bateladas de 500L, com equipamentos proprios para segurar os oleos, eles consigam segurar aromas e sabores. Mas em casa nao da certo mesmo, mas nem com reza brava."


Concordo com vc, essas adições finais para sabor e aroma sei não...para nós caseiros acho muito difícil, perde-se muito na volatilização com temperaturas altas
 

Phael21

Member
Afiliado
27/1/16
Mensagens
10
"Outra fantasia é colocar lupulo a x min do final da fervura para sabor, depois x min do final da fervura para aroma. Olha os oleos volateis do lupulo, como o proprio nome deles diz se volatilizam muito rapidamente e facilmente.
Eu acredito que em industrias que fazem bateladas de 500L, com equipamentos proprios para segurar os oleos, eles consigam segurar aromas e sabores. Mas em casa nao da certo mesmo, mas nem com reza brava."


Concordo com vc, essas adições finais para sabor e aroma sei não...para nós caseiros acho muito difícil, perde-se muito na volatilização com temperaturas altas
Atualmente, para qualquer cerveja, faço no máximo duas adições. Fwh e flameout.
Na maioria das vezes faço apenas flameout e estou muito satisfeito com os resultados.

Enviado de meu SM-J500M usando Tapatalk
 

Nebenzahl

Active Member
Afiliado
11/4/17
Mensagens
37
Phael, tu poderia descrever as tecnicas de lupulagem que tu usa? temperatura, momento, quantidades e tipos de lupulo?
 

Phael21

Member
Afiliado
27/1/16
Mensagens
10
Phael, tu poderia descrever as tecnicas de lupulagem que tu usa? temperatura, momento, quantidades e tipos de lupulo?
Na fase quente, adiciono quando apago o fogo, espero 20 minutos e começo o resfriamento.
Uso qualquer variedade de lúpulo nesta etapa.
Quanto ao DH, inicio DH no último dia da secundária, deixo por 24 horas e seto o termostato pra zero.

Enviado de meu SM-J500M usando Tapatalk
 

domvito

New Member
Afiliado
8/6/18
Mensagens
1
Localização
Rio de Janeiro
Eu e meu sócio na breja fizemos hoje, meio que por intuição com alguma informação. Fervemos a água, esperamos baixar um pouco a temperatura, viramos num pote, adicionamos o lúpulo (25g de cascade que sobrou pros 20l de apa) e deixei baixar a 30 graus no freezer. Abrimos o fermentador e juntamos essa massa à breja com 1 semana de maturação. Vai ficar uns 3 a 4 dias, vamos por a gelatina e fazer primming na garrafa. Faltava aroma, por isso a escolha. Espero salvar a breja. Ah, foi nossa primeira. Uma apa que ficou com og e fg altos pro estilo. Acabou doce e de final amargo. Abraços.
Alguém por aqui já utilizou aquela técnica de fazer o dry hopping com chá de lúpulo? Ao invés de adicionar o lúpulo diretamente, ferve-se a água para esterelizar, espera esfriar um pouco e adiona o lúpulo?
Se alguém fez quais foram os resultados?
Enviado de meu ASUS_X013D usando o Tapatalk
 
Afiliado
24/10/18
Mensagens
5
Localização
Brasilia, DF
A técnica que utilizo atualmente tem dado ótimos resultados para o meu sistema e para meu método de produção (falo isso, pois não existe receita perfeita e sim processos adaptados para cada realidade).
Sempre gostei de utilizar os cones de lúpulo para fazer DH, atualmente tenho plantado e utilizado o da minha própria produção o que impulsionou o processo de utilizo atualmente.
Para o DH estou utilizando o processo de recirculação contínua no fermentador com uso de bomba de recirculação e hop-back (que é o recipiente externo onde fica os cones. Executo esse processo no segundo dia de maturação e dura normalmente umas 2 horas (vou experimentando a cerveja para definir o fim do processo). Fiz adaptação no meu fermentador (cônico) com a inserção de mais uma válvula para retorno da cerveja pós passagem no hop-back.
Considerando a área de contato dos cones utilizo uma carga de 4x em comparação ao uso de Pellet T-90.
Antes de iniciar o processo expurgo o oxigênio do sistema com o Co2 da saída do air-lock que é desviado e acoplado no sistema (mangeiras, bomba e hop-back).
Resultado TOP e rápido sem ter nem que abrir o fermentador.
 

Persevalli

Well-Known Member
Afiliado
21/1/17
Mensagens
290
Marcelo,
Curiosidade, quanto tempo leva pro CO2 saindo do Airlock purgar o sistema todo? Como você checa se foi o suficiente?

Obrigado
 

rafaellsm

Active Member
Afiliado
17/12/18
Mensagens
30
Localização
Rio de Janeiro
Interessante heim..

Coloca umas fotos aí pra gente com detalhamento do sistema!

Abs

A técnica que utilizo atualmente tem dado ótimos resultados para o meu sistema e para meu método de produção (falo isso, pois não existe receita perfeita e sim processos adaptados para cada realidade).
Sempre gostei de utilizar os cones de lúpulo para fazer DH, atualmente tenho plantado e utilizado o da minha própria produção o que impulsionou o processo de utilizo atualmente.
Para o DH estou utilizando o processo de recirculação contínua no fermentador com uso de bomba de recirculação e hop-back (que é o recipiente externo onde fica os cones. Executo esse processo no segundo dia de maturação e dura normalmente umas 2 horas (vou experimentando a cerveja para definir o fim do processo). Fiz adaptação no meu fermentador (cônico) com a inserção de mais uma válvula para retorno da cerveja pós passagem no hop-back.
Considerando a área de contato dos cones utilizo uma carga de 4x em comparação ao uso de Pellet T-90.
Antes de iniciar o processo expurgo o oxigênio do sistema com o Co2 da saída do air-lock que é desviado e acoplado no sistema (mangeiras, bomba e hop-back).
Resultado TOP e rápido sem ter nem que abrir o fermentador.
 
Afiliado
7/7/20
Mensagens
8
Localização
Rio de Janeiro
Eu tentei fazer dry hopping nas duas que eu fiz recentemente. A primeira usei um saco de voil, a segunda joguei o pellet direto no maturador. Usei pouco lúpulo, algo em torno de 1g/l só. A primeira eu já abri e quase não senti aroma, a segunda ainda não provei, mas no dia do envase, mesmo sem gás, dava pra sentir um pouco do aroma. A primeira foi com Bravo, a segunda com Zeus.
Boa Noite....e qual temperatura vc fez o DH e por qts dias ?
 

Latest posts

Topo