• We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

DÚVIDA - Milho

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

Pedrovic

Active Member
Afiliado
11/8/20
Mensagens
43
Localização
São Paulo
Oi, alguém sabe qual a porcentagem mínima de milho que eu poderia usar em uma receita? Pensei em usar apenas 1% (talvez 2%) de grits mas não sei se tão pouco assim faria alguma diferença sensorial como as porcentagens maiores (de 20% pra cima). Abs
 

DANIEL RODRIGUES

Well-Known Member
Afiliado
2/6/20
Mensagens
167
Localização
Colina/SP
Boa tarde. Não curto usar milho em minhas receitas, mas para se obter alguma diferença sensorial, penso que menos de 10% não fará diferença... não há um mínimo...
As receitas que pesquisei com milho (flocos), giram em torno de 20 a 30%....até de 40% já vi....
Abraços...
 

Caramba

Well-Known Member
Afiliado
12/4/16
Mensagens
201
A porcentagem mínima que você pode usar é de 0%

Você precisa avaliar qual é seu objetivo usando milho.
 

Pedrovic

Active Member
Afiliado
11/8/20
Mensagens
43
Localização
São Paulo
@Caramba O milho seria para deixar o corpo mais leve, mas sem ser tão extremo no uso como as cervejas de massa, que chegam a usar até 45% em sua composição. Por isso perguntei sobre a porcentagem mínima. Abs
 

josmmar

Active Member
Afiliado
9/6/16
Mensagens
29
Fiz uma cream ale com 85% de pale ale e 15% flocão, pensei em pro um pouco de carapills, mas arrisquei sem. Ficou excelente até na espuma.
Foi a minha primeira com a BRY-97.
 

e.cassaro

Well-Known Member
Afiliado
18/2/20
Mensagens
69
Localização
São Paulo
Considere também não usar o milho e simplesmente usar menos malte. A cerveja vai ficar com o corpo mais leve. O que o milho soma no final das contas é apenas ABV. Por favor, alguém me corrija se eu estiver falando merda.
 

pwiens

Well-Known Member
Afiliado
22/3/18
Mensagens
171
Considere também não usar o milho e simplesmente usar menos malte. A cerveja vai ficar com o corpo mais leve. O que o milho soma no final das contas é apenas ABV. Por favor, alguém me corrija se eu estiver falando merda.
Cara, eu penso igual, não sei porque essa tara que o pessoal tem por milho, faça uma só de malte pilsen então.
 

Luminos

Well-Known Member
Afiliado
1/4/20
Mensagens
121
Localização
Mairiporã
Considere também não usar o milho e simplesmente usar menos malte. A cerveja vai ficar com o corpo mais leve. O que o milho soma no final das contas é apenas ABV. Por favor, alguém me corrija se eu estiver falando merda.
Concordo
 

GuilhermeAlmeida

Well-Known Member
Afiliado
9/1/19
Mensagens
57
Localização
Nárnia
Considere também não usar o milho e simplesmente usar menos malte. A cerveja vai ficar com o corpo mais leve. O que o milho soma no final das contas é apenas ABV. Por favor, alguém me corrija se eu estiver falando merda.
Concordo com você. Além disso, adicionar açúcar na fervura vai contribuir com o ABV desejado.
 

Caramba

Well-Known Member
Afiliado
12/4/16
Mensagens
201
Alguém me explica porque seria desejável aumentar o ABV? Pergunto sinceramente.
Ele quis dizer que o milho só dá açúcar... não dá sensorial nenhum.
Então dá pra adicionar açúcar.

Porque teve a sugestão de não usar milho e usar menos malte, pra cerveja ficar mais leve.
Mas usando menos malte vai ter menos açúcar.
 

pwiens

Well-Known Member
Afiliado
22/3/18
Mensagens
171
Ele quis dizer que o milho só dá açúcar... não dá sensorial nenhum.
Então dá pra adicionar açúcar.

Porque teve a sugestão de não usar milho e usar menos malte, pra cerveja ficar mais leve.
Mas usando menos malte vai ter menos açúcar.
Pode até ser, mas já vi muita gente colocando açúcar pra corrigir OG, acho meio sem sentido.
 

e.cassaro

Well-Known Member
Afiliado
18/2/20
Mensagens
69
Localização
São Paulo
Alguém me explica porque seria desejável aumentar o ABV? Pergunto sinceramente.
Tem estilos de cerveja que focam no ABV alto. A escola belga por exemplo tem aqueles estilos fortes no álcool. Segundo consta parece que teve uma época onde proibiram os gorós por lá, mas cerveja era liberado. Daí que o pessoal começou a fazer umas brejas super alcóolicas pra suprir essa demanda. Mas o problema é que se vc socar malte e mais malte pra subir o ABV o corpo acaba ficando pesado demais. Aí entra o açúcar que dá essa turbinada no ABV sem pesar no corpo.

Já o milho a estória é de que os primeiros cervejeiros dos EUA não tinham um malte de qualidade (2 fileiras) pra trabalhar: só tinham por lá o de 6 fileiras. Como a necessidade é a mãe da invenção descobriram que se misturassem com milho dava num produto aceitável. A moda pegou e acabou tornando-se uma questão de economia já que o milho é muito mais barato que o malte. Por isso que as cervejas de massa não têm praticamente gosto de nada: o milho praticamente não dá sabor. Às vezes se usa arroz. Então podemos dizer que essas brejas super leves são meio que baseadas no álcool. Do ponto de vista de excelência diríamos que as cervejarias têm um lucro excelente... mas do produto já não pode se dizer o mesmo.

E aí tem o cervejeiro artesanal que eventualmente usa o milho, às vezes o açúcar (em várias formas), pra aumentar o ABV da cerveja. O álcool é também um dos elementos que dão sabor na cerveja pronta. Então pode-se usar esse recurso.

Agora na minha humilde opinião particular que não interessa muito, nas minhas cervejas mais leves eu não uso esses adjuntos pelo seguinte:
1) estaria perdendo a oportunidade de ter menos álcool;
2) estaria perdendo a oportunidade de ter mais sabor.

Cream Ale é um estilo que eu realmente não compreendo. Mas é opinião pessoal. Sei que tem muita gente que curte e eu respeito.
 

DANIEL RODRIGUES

Well-Known Member
Afiliado
2/6/20
Mensagens
167
Localização
Colina/SP
Tem estilos de cerveja que focam no ABV alto. A escola belga por exemplo tem aqueles estilos fortes no álcool. Segundo consta parece que teve uma época onde proibiram os gorós por lá, mas cerveja era liberado. Daí que o pessoal começou a fazer umas brejas super alcóolicas pra suprir essa demanda. Mas o problema é que se vc socar malte e mais malte pra subir o ABV o corpo acaba ficando pesado demais. Aí entra o açúcar que dá essa turbinada no ABV sem pesar no corpo.

Já o milho a estória é de que os primeiros cervejeiros dos EUA não tinham um malte de qualidade (2 fileiras) pra trabalhar: só tinham por lá o de 6 fileiras. Como a necessidade é a mãe da invenção descobriram que se misturassem com milho dava num produto aceitável. A moda pegou e acabou tornando-se uma questão de economia já que o milho é muito mais barato que o malte. Por isso que as cervejas de massa não têm praticamente gosto de nada: o milho praticamente não dá sabor. Às vezes se usa arroz. Então podemos dizer que essas brejas super leves são meio que baseadas no álcool. Do ponto de vista de excelência diríamos que as cervejarias têm um lucro excelente... mas do produto já não pode se dizer o mesmo.

E aí tem o cervejeiro artesanal que eventualmente usa o milho, às vezes o açúcar (em várias formas), pra aumentar o ABV da cerveja. O álcool é também um dos elementos que dão sabor na cerveja pronta. Então pode-se usar esse recurso.

Agora na minha humilde opinião particular que não interessa muito, nas minhas cervejas mais leves eu não uso esses adjuntos pelo seguinte:
1) estaria perdendo a oportunidade de ter menos álcool;
2) estaria perdendo a oportunidade de ter mais sabor.

Cream Ale é um estilo que eu realmente não compreendo. Mas é opinião pessoal. Sei que tem muita gente que curte e eu respeito.
Parabéns pela excelente explicação... eu já sabia os conceitos, mas não a história!!!
A questão das Cream Ales está relacionada ao receio ou falta de tempo em se preparar uma cerveja com fermentação lager.... eu mesmo já as preparei, no entanto, as vezes que usei milho, o lote oxidou tanto, que não uso mais.... sendo que em substituição, faço lager...
Dosar o malte, trabalhar com as temperaturas de mostura, enfim... há várias maneiras de se fazer uma cerveja leve...
 

Htaitson

Member
Afiliado
7/4/20
Mensagens
11
Localização
Brasília
Cara, eu penso igual, não sei porque essa tara que o pessoal tem por milho, faça uma só de malte pilsen então.
Não vejo como "tara" por milho. Muitos estilos pedem a inserção de adjuntos, como o milho (ou arroz, trigo, aveia, centeio...) , para chegar às suas características desejadas.

Quem tiver a curiosidade, recomendo dar uma lida no BJCP. Diversos estilos tem entre seus ingredientes característicos originalmente empregados o milho.

O que não entendo é essa aversão ao milho. Com exceção dos alemães, por questões naturais ligadas à escola cervejeira alemã, as outras escolas utilizam diversos adjuntos e fazem excelentes cervejas.

Na minha opinião essa aversão ao milho está muito ligada à baixa qualidade de algumas cervejas de massa produzidas no Brasil, que pouca ou nenhuma relação tem com a utilização do milho nas receitas.

Um aspecto curioso é que não se vê entre os grandes cervejeiros caseiros esse enaltecimento das puro maltes.

Pessoalmente não vejo nenhum motivo para limitar as receitas às puro maltes.
 

alexrispoli

Member
Afiliado
29/1/18
Mensagens
16
Faço diversas receitas e na maioria utilizo o milho, seja a flocão ou o xerém (canjiquinha). Nunca passei mal nem quem toma comigo, e olha que já tomei altos porres da minha cerveja, o gosto também nunca vi alteração e já fui elogiado por alguns conhecidos "mestres cervejeiros". Vai do gosto de cada um. Com milho, sem milho a discussão vai longe mas o mais importante é, vamos fazer cerveja...
 

e.cassaro

Well-Known Member
Afiliado
18/2/20
Mensagens
69
Localização
São Paulo
Faço diversas receitas e na maioria utilizo o milho, seja a flocão ou o xerém (canjiquinha). Nunca passei mal nem quem toma comigo, e olha que já tomei altos porres da minha cerveja, o gosto também nunca vi alteração e já fui elogiado por alguns conhecidos "mestres cervejeiros". Vai do gosto de cada um. Com milho, sem milho a discussão vai longe mas o mais importante é, vamos fazer cerveja...
Bacana Alex! Vejo que vc é um adepto do milho. Com ctz vc vai me ajudar a entender. Me diga por favor, qual a sua intenção quando agrega o milho na receita? O que vc extrai desse ingrediente? O que ele aporta na cerveja?

Pergunto sinceramente. Na minha ignorância (nunca usei) eu só consigo enxergar o milho agregando mais álcool na cerveja e nada mais. Eu sinto que estou perdendo alguma coisa importante aqui.

Obrigado e um abraço! Eric
 

DANIEL RODRIGUES

Well-Known Member
Afiliado
2/6/20
Mensagens
167
Localização
Colina/SP
Bacana Alex! Vejo que vc é um adepto do milho. Com ctz vc vai me ajudar a entender. Me diga por favor, qual a sua intenção quando agrega o milho na receita? O que vc extrai desse ingrediente? O que ele aporta na cerveja?

Pergunto sinceramente. Na minha ignorância (nunca usei) eu só consigo enxergar o milho agregando mais álcool na cerveja e nada mais. Eu sinto que estou perdendo alguma coisa importante aqui.

Obrigado e um abraço! Eric
Bom dia amigo.
Saiu uma matéria no site gringo Brulosophy..... vale a pena das uma checada.... coloque o tradutor pra funcionar....
Abraços
 
Topo