• We have implemented the ability to gift someone a Supporting Membership now! When you access the Upgrade page there is now a 'Gift' button. Once you click that you can enter a username to gift an account Upgrade to. Great way to help support this forum plus give some kudos to anyone who has helped you.

Casket Ale, Real Ale - Servindo direto do fermentador

Ajude o Home Brew Talk Brasil:

vcremasco

Well-Known Member
Afiliado
25/3/14
Mensagens
54
Bom dia pessoal,

Estou com uma IPA e uma Standard Bitter que fiz por part-gyle em fase de maturação a frio.

No sábado passado fui tirar uma amostra de cada para carbonatar em uma garrafinha PET e testar os dabores e me deparei com uma coisa "estranha": a Standard Bitter estava carbonatada e com formação e retenção de espuma.

Ai vem minha pergunta: por ser um estilo "real ale", alguem ja tentou servir direto do fermentador (sem purgar o fermento)? Quais os riscos para a cerveja?

Ela teve OG 1.042 e OF 1.009 (4,3% ABV aprox.), está com 32 IBU, foi fermentada na inicial a 18º com temperatura controlada, secundária a 20º controlados e agora está em maturação a 5º (temperatura boa pra consumo kkk).
 

dcylab

Well-Known Member
Afiliado
31/8/13
Mensagens
53
Legal, eu adoro esse estilo e cask ale em geral. O maior risco é oxidação, como no cask ale de verdade. Mesmo com fermento "ativo" ainda estraga rapidamente a cerveja, fica com aquele gosto de papelão depois de alguns dias.

Tem gente na Inglaterra que faz algo meio parecido, só que usando CO2 de outra fermentação: http://www.thehomebrewforum.co.uk/showthread.php?t=45279 e http://www.genre.fsnet.co.uk/brewery/co2/


O melhor jeito que encontrei para fazer isso é um Cubitainer, http://www.ba-industrial.com/hedpak.htm A grande diferença é que o plástico é dobravel, e então não precisa de ar ou CO2 para servir. Tenho uma ESB agora em dois Cubitainers de 4 litros. Fiz priming com 6 gramas de açúcar em cada, e depois de uma semana a 18C foi para 13C para servir. Tirei umas fótos ontem, vou postar depois.

Agora, não sei se vendem esses exatos no Brasil. Mas seria o caso experimentar algo assim, feito para camping: http://byh.com.br/balde-de-agua-dobravel-10l-outdoor-camping ou http://portuguese.alibaba.com/product-gs/plastic-storage-containers-foldable-water-buckets-123833330.html
 

Tiago

Well-Known Member
Moderador
Moderator
Afiliado
11/6/13
Mensagens
3,043
Tem aquelas embalagens de vinho de 5l

http://www.indupropil.com.br/produtos/0,46511_caixa-branca-5-lt-para-vinho

Mas assim não resistiria priming, não sei nem se aguentaria só com o CO2 residual... talvez sim.

Se vc tem cilindro de CO2 e usa fermentador plástico, dá pra servir direto e em vez de deixar o airlock puxar ar de volta, colocar um CO2 bem de leve e depois fechar, pra compensar o volume de líquido extraido.
 

dcylab

Well-Known Member
Afiliado
31/8/13
Mensagens
53
Achei alguns outros galões dobráveis no Mercado Livre. Não sei se prestam, têm aquele mesmo design do Cubitainer mas são feitos na China.

Teoricamente o que eu uso também não resiste priming, mas se você não encher até o fim e tirar o maximo possivel de ar (com a torneira pra cima), um pouco de priming não tem problema. Mesmo com o priming não enche 100%, então não chega ao ponto de perigo para estourar. No último caso, se parecer muito cheio é só tirar um pouco de cerveja. Serve até como amostra na primeira semana.

Também dá para adaptar algo assim para servir como beer engine: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-589879838-bomba-manual-a-vacuo-para-galo-garrafo-agua-mineral-20-lts-_JM já vi algo parecido no HBT americano.
 

dryfon

Well-Known Member
Afiliado
29/10/13
Mensagens
192
Desde que eu descobri o que é uma cask ale tenho curiosidade pra provar. O pior de tudo é que há pouco mais de um ano fui nuns bares nos Estados Unidos com placas avisando que eles tinham cask ale disponíveis e eu não sabia o que era.

No geral, as casks são muito pouco carbonatadas né? Tenho há uns meses a ideia de fazer para o inverno do ano que vem uma Barley Wine e conservar ela em um barril de carvalho e servir direto dele. Será que o barril estouraria com o CO2 ou daria pra deixar o batoque levemente aberto pra sair esse CO2? Isso afetaria muito a carbonatação da cerveja?

Muito obrigado!
Abraços!
 

dcylab

Well-Known Member
Afiliado
31/8/13
Mensagens
53
Geralmente sim, são pouco carbonatadas, servidas a 10-13C e nunca filtradas. A carbonatação pode ser a natural da própria fermentação ou de priming. Na minha opinião, uma cerveja engarrafada com pouca carbonatação (via priming) e servida nessa temperatura vai ser quase igual (muitos discordariam). Muda mais por causa da bomba manual (beer engine), que enche a cerveja de ar na hora de servir, mais ainda se passar por um sparkler.

Eu não sei sobre o barril de carvalho. Imagino que mesmo levemente aberto já afetaria muito a carbonatação.
 

dryfon

Well-Known Member
Afiliado
29/10/13
Mensagens
192
Geralmente sim, são pouco carbonatadas, servidas a 10-13C e nunca filtradas. A carbonatação pode ser a natural da própria fermentação ou de priming. Na minha opinião, uma cerveja engarrafada com pouca carbonatação (via priming) e servida nessa temperatura vai ser quase igual (muitos discordariam). Muda mais por causa da bomba manual (beer engine), que enche a cerveja de ar na hora de servir, mais ainda se passar por um sparkler.

Eu não sei sobre o barril de carvalho. Imagino que mesmo levemente aberto já afetaria muito a carbonatação.
E será que haveria necessidade de fazer priming para carbonatar uma Barley Wine cask conditioned? A ideia era terminar de fermentar e trasfegar para um barril de carvalho e maturar ela lá, servindo direto do barril, como se fosse um licor, em temperatura ambiente no inverno. Será que só o CO2 residual já seria o bastante?

Alguém já viu algo assim?

Muito obrigado!
Abraços!
 

Tiago

Well-Known Member
Moderador
Moderator
Afiliado
11/6/13
Mensagens
3,043
E será que haveria necessidade de fazer priming para carbonatar uma Barley Wine cask conditioned? A ideia era terminar de fermentar e trasfegar para um barril de carvalho e maturar ela lá, servindo direto do barril, como se fosse um licor, em temperatura ambiente no inverno. Será que só o CO2 residual já seria o bastante?

Alguém já viu algo assim?

Muito obrigado!
Abraços!
É que o CO2 residual vai embora dentro de um barril de carvalho depois de um tempo, diferente de um fermentador ou barril normal...

tambem tem que contabilizar o fato de que se vc vai tirar cerveja do barril de madeira tem q dar um jeito de repor o espaço com CO2, porque se começar a entrar ar corre o risco de desenvolver aceto bacteria e daí adeus barril...
 

dryfon

Well-Known Member
Afiliado
29/10/13
Mensagens
192
É que o CO2 residual vai embora dentro de um barril de carvalho depois de um tempo, diferente de um fermentador ou barril normal...

tambem tem que contabilizar o fato de que se vc vai tirar cerveja do barril de madeira tem q dar um jeito de repor o espaço com CO2, porque se começar a entrar ar corre o risco de desenvolver aceto bacteria e daí adeus barril...
Pois é, não tinha pensado nesse detalhe. Acho que vou abortar a missão por enquanto.

Muito obrigado pelo esclarecimento.
Abraços!
 
Topo